José Gomes analisa ingresso de sauditas nas Ligas espanholas

José Gomes reconheceu as potencialidades dos nove jogadores sauditas transferidos para as duas principais ligas espanholas, em entrevista a Hugo Neves, jornalista do Record.

“Não conheço todos os jogadores mas já defrontei alguns deles aqui no campeonato. O Al-Muwallad, que foi para o Levante, é rapidíssimo, um avançado muito interessante para explorar o ataque rápido nas costas da defesa contrária. Já o Villarreal garantiu um extremo de boa qualidade. O Al-Dawsari é muito forte nos duelos individuais, tem bom jogo interior e remata bem à baliza. O Al-Shehri completa o trio de internacionais e todos esses estão bem preparados para jogar na Liga espanhola. Pode haver boas surpresas nos restantes”, avisou o treinador português.

José Gomes: “Vantagem para todos”

O protocolo motivou críticas por parte da Associação de Futebolistas Espanhóis, a qual diz que o mesmo prejudica o aparecimento de jovens do país nas equipas. Mas José Gomes explica porque esta crítica não faz sentido. “A estratégia é elevar o nível competitivo para que os futebolistas surjam bem preparados no Mundial. A intensidade e ritmo competitivo desta liga nada tem a ver com a espanhola. Não há obrigação de utilizar os jogadores. Se houver melhores, jogam esses. Mas também não devemos esquecer-nos de que o futebol hoje em dia não é só desporto, também tem o cariz comercial. A ação é uma vantagem para todos e pode mesmo estender-se para lá do Mundial’2018.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *