“Dar a vida para ganhar” com público nas bancadas

José Gomes regressa esta quarta-feira, pelas 11 horas, à Taça do Rei, num encontro com público nas bancadas frente ao Numancia, no Estádio Los Pajaritos.

O Almería pretende seguir em frente depois de afastar, na primeira ronda, o L’Hospitalet, igualmente na qualidade de visitante. Recorde-se que, no domingo, o conjunto de José Gomes derrotou, em casa, o Ponferradina, por 3-1. Ou seja conquistou a primeira vitória de 2021, em duelo da LigaSmartbank.

“Vai ser um desafio muito difícil ante uma equipa que está a viver o sonho de lutar pela subida, jogando com qualidade. O campo é, tradicionalmente, difícil. No histórico de confrontos, a vantagem é favorável ao Numancia. Estará, seguramente, uma temperatura baixa e vi imagens do plantel a tirar neve d0 campo. Esperamos que o relvado permita um jogo normal, que seja bom para nós, porque teremos público após longa ausência. Para ganhar na Taça, só é possível com máximo respeito pelo que o Numancia e a sua equipa técnica estão a fazer, dando tudo, porque eles têm atletas que treinam diariamente com a esperança de passar, como nós. Temos de ser profissionais dedicados”, referiu José Gomes.

O experiente técnico encara o jogo como se fosse um adversário de alto nível na Europa: “Faremos uma partida séria e, assim será, para demonstrarmos que estamos nesta divisão por alguma razão, respeitando o adversário como se pertencesse ao topo da Europa. Jogaremos com seriedade, à procura do golo, pressionando alto, como até agora. O que pode mudar o nosso estilo ou aumentar as dificuldades serão as condições do campo.”

José Gomes garante que o Almería vai dar tudo para seguir em frente na Taça do Rei: “Se tivermos de sair que seja ante um rival com ‘nome’ que venha realçar o nosso clube. Mas estamos muito concentrados nos jogos da Liga, ainda que isto seja uma prova em que tudo pode acontecer. Vamos competir e dar a vida para ganhar cada desafio na Taça. É a nossa obrigação como profissionais e seria um orgulho chegar o mais longe possível”.

Público nas bancadas

O líder técnico dos rojiblancos mostra-se satisfeito perante a presença do público no recinto do Numancia: “Será bonito ter gente no estádio. Estamos sempre a queixar-nos por não termos pessoas, não vamos dizer o contrário, ainda que nos assobiem. Será um ambiente distinto, do qual sentimos saudades”.