Dotes para a I Liga, jovens cobiçados e vendas à vista (3º capítulo)

José Gomes colocou, como se viu nos capítulos anteriores, o Almería na rota da subida directa à I Liga de Espanha, tendo saído com a equipa andaluz no terceiro lugar, a apenas seis pontos do Mallorca, segundo classificado, e, como consequência, como a melhor formação nos lugares de acesso ao playoff.

Para tal objectivo, traçado no início da temporada, a aposta nos jogadores jovens foi um sucesso indelével e, por isso, além da vertente desportiva, está associado, em alguns casos, o possível retorno milionário.

Apresentamos cada um dos trunfos lançados por José Gomes:

Aitor Buñuel, 23 anos. 17 J 0 G: Mostra-se como alternativa bastante competente a Ivan Balliu no lado direito da defesa do Almería.

Jorge Cuenca, 21 anos. 35 J 3 G: Nunca tinha feito tantos jogos como sénior e nunca tinha marcado qualquer golo. Pertence aos quadros do Barcelona e reforçou o estatuto de sucessor de Sérgio Ramos na selecção de Espanha.

Sérgio Akieme, 23 anos, 36 J 2 G: Tal como Cuenca, este lateral-esquerdo, proveniente do Barça, bateu o recorde de número de jogos disputados e de golos apontados.

Manu Morlanes, 22 anos, 34 J 1 G: Jogador do Villarreal, este médio-centro é mais um elemento desta lista que atingiu, nesta época, o melhor registo de número de jogos realizados.

Samuel Costa, 20 anos, 36 J 2 G: Este português, cedido pelo Sp.Braga, é o mais novo deste elenco, o que valoriza ainda mais a importância do seu trabalho. Tem formado dupla notável com Manu Morlanes no meio-campo. Bateu, também, o recorde de jogos realizados e de golos marcados.

João Carvalho, 24 anos, 32 J 0 G: Mais um compatriota de José Gomes: actua como médio-ofensivo e esta já é a segunda temporada com mais jogos, depois dos 40 encontros somados pelo Nottingham Forest, clube que detém o seu passe, em 2018/2019. João Carvalho foi formado no Benfica.

Fran Villalba, 23 anos, 34 J 3 G: Jogador de características ofensivas formado no Valencia, pertence aos quadros do Almería. Esta é, por enquanto, a segunda melhor época, depois de, em 2018/2019, ter disputado 40 jogos e marcado 4 golos, em representação do Numancia.

Umar Sadiq, 24 anos : 38 J 20 G: É o matador do Almería, de forma consistente e regular, o que raramente tem acontecido durante o seu percurso profissional. Tem, para já, mais quatro golos marcados do que na sua anterior melhor época, em 2019/2020, ao serviço do Partizan de Belgrado. Superou o registo de Darwin Nuñez, que apontou 16 golos na época passada, e foi vendido ao Benfica por…25 milhões de euros. Será que o internacional nigeriano pode permitir ao Almería semelhante encaixe financeiro ?

Links relacionados:

Dotes para a I Liga, jovens cobiçados e vendas à vista (2º capítulo)

Dotes para a I Liga, jovens cobiçados e vendas à vista (1º capítulo)